Agronegócio
Amêndoas de cacau da Bahia dão origem a produto sensorial 100% brasileiro
24/09/2021 às 10h18
Atualizada em

O cacau cultivado no bioma Mata Atlântica no assentamento Dois Riachões, em Ibirapitanga, na Bahia, é o principal ingrediente do chocolate 70% que conquistou o segundo lugar no Prêmio CNA Brasil Artesanal 2021.

A bióloga e criadora da marca de chocolates Kalapa, Luiza Dantas Santiago, de Belo Horizonte, adquire o cacau dos produtores da Bahia ainda em forma de amêndoa para produzir o chocolate no método ‘ bean to bar’ (do grão à barra).

“Temos muita atenção na escolha dos ingredientes, utilizando cacau agroecológico e ingredientes exclusivamente nacionais. É uma alegria imensa receber esse prêmio, pois destacar a qualidade do nosso chocolate significa reconhecer a qualidade do cacau com o qual trabalhamos. É uma vitória conjunta”.

Essa foi a segunda vez que Luiza participou do concurso de chocolate promovido pelo Sistema CNA/Senar. Na primeira edição do prêmio, em 2019, o seu chocolate também ficou entre os cinco finalistas.

“A iniciativa da CNA é importante para toda a cadeia produtiva do cacau, não somente para as marcas premiadas. Todos saem ganhando: o produtor rural, as empresas que fabricam chocolate, os comerciantes que revendem e quem consome. Destacar chocolates produzidos exclusivamente com cacau nacional é um movimento de valorização necessário”, afirma.

O chocolate artesanal 70% da Kalapa é duplamente premiado
O chocolate artesanal 70% da Kalapa é duplamente premiado

Luiza intitula o seu produto como chocolate sensorial. “A gente faz pensando nas sensações que o chocolate vai levar para quem está consumindo. Por isso temos vários sabores e também variados formatos, para promover diferentes estímulos. A criação desses chocolates é um equilíbrio entre ciência e arte”.

A comercialização dos chocolates sensoriais da Kalapa é feita pelas redes sociais e em pontos de vendas nos estados de Minas Gerais e São Paulo.

Para conhecer os diversos produtos, acesse: kalapachocolate.com.br

Prêmio CNA Brasil Artesanal 2021 – O prêmio foi realizado pelo Sistema CNA/Senar em parceria com o Centro de Inovação do Cacau (CIC) e com a Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira (Ceplac) com o apoio do Programa Compre do Pequeno do Sebrae.

O objetivo é fortalecer a produção sustentável de cacau por agricultores empreendedores familiares e pequenos agricultores, estimula a elaboração de chocolates finos artesanais brasileiros, além de dar continuidade às premiações nacionais de alimentos artesanais e tradicionais.

Assessoria de Comunicação CNA

Fotos: Arquivo pessoal
Telefone: (61) 2109-1419

flickr.com/photos/canaldoprodutor

cnabrasil.org.br

twitter.com/SistemaCNA

facebook.com/SistemaCNA

instagram.com/SistemaCNA

facebook.com/SENARBrasil

youtube.com/agrofortebrasilforte