Agropecuária
CNA realiza capacitação em vendas para mercados internacionais
24/11/2020 às 09h53

A Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) realiza nesta semana o seminário “Aprenda a comercializar com compradores internacionais”, com o objetivo de capacitar produtores rurais em vendas para o mercado externo. O evento online começou na segunda (23) e segue na terça (24) e na quinta (26).

O treinamento virtual é voltado para os participantes do projeto Agro.BR, parceria da CNA com a Apex-Brasil, que engloba ações de internacionalização de pequenos e médios produtores e promoção comercial de produtos brasileiros do agro.

"A partir das experiências que já tivemos dentro do projeto, em negociações e rodadas de negócios realizadas com compradores internacionais, percebemos que as empresas apresentaram necessidade de ter um maior conhecimento sobre essa questão", afirmou a coordenadora de Exportação da CNA, Camila Sande.

O objetivo é orientar e capacitar empresários rurais participantes da iniciativa em relação às particularidades de uma negociação com potenciais clientes ou parceiros de países estratégicos, com destaque para o discurso de vendas, atenção a costumes e hábitos culturais e situações práticas ou estudos de caso para referência.

“O intuito principal é aumentar a possibilidade de sucesso em negociações entre produtores rurais brasileiros e potenciais compradores ou parceiros de mercados prioritários, como a China e países da América do Sul”, disse o assessor técnico da CNA, Rafael Gratão.

O módulo 1 teve como tema “Formação de preços para exportação” e abordou a definição de preço como valor econômico atribuído ao produto, elementos formadores do preço nas exportações (custo de produção, administrativo, operacional, comercial e lucro), engenharia reversa na definição de preços de exportação e avaliação de competitividade nos mercados-alvo. O palestrante foi o consultor da Ultramares Negócios Internacionais, Maurício Manfré.

Nesta terça (24), o painel “China”, ministrado pelo consultor da Business Nesting International, Cláudio Melfi, vai analisar pontos como as diferenças culturais, cadeia produtiva na negociação com o país asiático, diferenças entre exportar produtos e internacionalizar empresas e os passos necessários para preparar sua empresa e tornar-se visível para o comprador chinês.

Também serão esclarecidas as diferenças entre matéria prima e produto industrializado, participação em feiras na China, proteção legal, prospecção de clientes, certificações, registros de produtos, etiquetagem e embalagem, design e embalagens na China.

O terceiro módulo, que acontecerá na quinta (26), vai tratar sobre a América do Sul. Serão repassadas informações comerciais dos mercados no continente, cultura de negócios, pontos de atenção e cuidados na hora da negociação, diferenças de hábitos entre brasileiros e os outros sul-americanos, relatos de experiência própria e de terceiros. O palestrante será o especialista em exportação para países da América do Sul, Carlos Badillo.

Segundo Rafael Gratão, a capacitação é direcionada a alguns segmentos setoriais priorizados pelo Agro.BR, como hortaliças, flores e frutas frescas e processadas, aquicultura e pesca processada, mel e derivados, café, lácteos, cacau e chocolate.

Assessoria de Comunicação CNA