FAEB
Porto de Aratu terá berço exclusivo para movimentação de granel vegetal; Codeba atendeu pleito da CNA, FAEB e associações ligadas ao Agro (ATU 18)
27/11/2019 às 11h25

A Autoridade Portuária do Estado da Bahia, a Codeba, anunciou hoje a inclusão do terminal de grãos nos projetos de arredamento do Porto de Aratu. O anúncio foi feito 15º Encontro dos Usuários de Portos do Estado da Bahia que aconteceu em Salvador. Essa iniciativa, de grande importância para todo o agronegócio baiano, é fruto de um longo trabalho por parte da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado da Bahia (FAEB), e Sindicatos dos Produtores Rurais – principalmente do Oeste baiano - em conjunto com associações ligadas ao agro, como Aiba e Abapa.

O trabalho foi de demonstrar às autoridades a importância de se ter um aumento da oferta portuária para embarque de grãos no estado, que vai oferecer maior competitividade aos produtores baianos, além de proporcionar um porto que vai ser multiuso, atendendo a um número maior de segmentos e consequentemente oferecendo maior competitividade para a Bahia.

“Esse era um pleito antigo do setor agropecuário baiano, e recebemos a notícia com muito entusiasmo e que mostra mais uma vez a importância da nossa união. Eu tenho certeza que esse é mais um importante passo no sentido do fortalecimento do segmento, que tem dado grande contribuição para a economia do nosso estado, gerando emprego e renda para toda a Bahia”, afirmou o presidente da FAEB, Humberto Miranda.

“Essa medida vem atender a uma demanda do setor produtivo já existente aqui no estado. Só no Oeste produzimos acima dos seis milhões de toneladas de grãos e cerca de 15% de toda essa produção são escoados pelos portos do Norte do País, por uma deficiência portuária aqui na Bahia. Agora, o berço dois do Porto de Aratu será destinado exclusivamente para a movimentação dos graneis vegetais. Uma conquista para toda a Bahia”, comemorou Moisés Schimdt, presidente do Sindicato dos Produtores Rurais de Barreira e diretor regional da FAEB.

Fonte: Ascom Sistema FAEB