SENAR
Programa que vai mapear startups do agronegócio do Brasil é lançado na Bahia
07/02/2019 às 11h00
Atualizada em

A Bahia foi o estado do Nordeste escolhido para dar início às ações do Programa Agritech BR, da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), que vai mapear startups do agronegócio nas cinco regiões brasileiras. O programa foi lançado no estado ontem (6), em Salvador, reunindo profissionais de Tecnologia da Informação e do segmento do agronegócio, estudantes e autoridades. 

O público teve a oportunidade de interagir e saber mais detalhes sobre a condução do mapeamento das Agritechs - ramo de startups que unem tecnologia e agricultura - na apresentação dos consultores Valto Loikkanen e Óscar Ramírez, da Startup Commons, empresa especializada em treinamentos de inovação e consultoria de desenvolvimento de ecossistema com sede na Finlândia. 

As equipes da Startup Commons e do Sistema CNA/Senar permanecem na Bahia até o próximo dia 12 deste mês para realização do mapeamento, que contará com visitas a universidades, entrevistas e reuniões com lideranças e os envolvidos no ecossistema baiano. A ação conta com o apoio do Sistema Faeb/Senar e Sebrae. 

Durante o dia de ontem, os consultores da Startup Commons foram recebidos pelo presidente da Federação da Agricultura e Pecuária da Bahia (Faeb), Humberto Miranda e pela superintendente do Senar Bahia, Carine Magalhães, na sede da instituição. “O setor agropecuário vem crescendo em ritmo acelerado nos últimos anos, principalmente por conta da proatividade e protagonismo do produtor rural, que investe em tecnologia. Não hesito em afirmar que a nova revolução do Agro passa pela transformação digital”, ponderou Miranda. 

“Além de quantificar o universo de statups, vai ser possível saber qual é o nível de maturidade desse ecossistema, organizá-lo e a partir daí definir uma estratégia assertiva para o desenvolvimento de startups”, explicou o vice-presidente Administrativo Financeiro da Faeb, Guilherme Moura. 

Lançamento em Brasília

Nos dias 4 e 5 de fevereiro, o programa foi lançado em Brasília. A equipe técnica das Administrações Regionais do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) e das Federações de Agricultura e Pecuária da Bahia, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Rondônia conheceram a metodologia de trabalho do mapeamento em workshop, realizado na sede da CNA.

Fonte: Ascom Sistema FAEB