FAEB
Recorde: Bahia lidera crescimento agrícola no Brasil; “produtor rural baiano é o principal responsável”, afirma presidente da FAEB
05/09/2019 às 20h44
Atualizada em

A Pesquisa Agrícola dos Municípios (PAM) divulgada hoje pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostrou mais uma vez a importância do setor agropecuário baiano. A produção agrícola aqui do estado foi a que mais cresceu no Brasil: um recorde de mais de 19 bilhões e 622 milhões de reais, em 2018.

Esse montante é a soma de todos os valores gerados pela atividade, que representa um impressionante crescimento de 27,1% em comparação a 2017, colocando a Bahia na liderança do ranking de incremento entre os estados brasileiros. A participação na produção agrícola nacional passou de 4,9% para 5,7%.

A PAM também revelou que dobrou o número de municípios baianos entre os vinte maiores do Brasil: Correntina, Barreiras, Formosa do Rio Preto e São Desidério, este último que voltou para a liderança do ranking, produzindo 54,4% a mais em 2018. O município gerou R$ 3,6 bilhões, representando sozinho 1,8% do valor gerado pela agricultura brasileira.

“Essa pesquisa reafirma a importância do setor para nosso estado e para nosso País. O produtor rural baiano é principal responsável por esse crescimento, investindo cada vez mais em tecnologia e inovação, respeitando todas as leis ambientais e trabalhistas, gerando emprego e renda. O setor agropecuário é um orgulho pra o Brasil e isso precisa ser cada vez mais valorizado! Tenho certeza que vamos seguir contribuindo para a retomada do crescimento de nossa economia” garantiu o presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado da Bahia (FAEB), Humberto Miranda.

Fonte: Ascom Sistema FAEB