Agropecuária
Sistema Faeb/Senar e Sebrae mais uma vez juntos em um novo desafio
01/04/2021 às 19h39
Atualizada em

Na quarta-feira (31), o assessor técnico do Senar Bahia, Luiz Sande, acompanhou a comitiva do Sebrae Bahia, representada por Franklin Santos, diretor Técnico; Célia Fernandes, gerente de Atendimento Coletivo e Adriana Moura, coordenadora de Agronegócio, na visita à Fazenda Sauipe, local onde deverá ser implantada a primeira versão do SIAGRO – Soluções de Inteligência para o Agro - Fazendas Inteligentes.

Com a proposta de Parque Tecnológico, onde se juntam os melhores em um único lugar, os SIAGROS terão o objetivo de desmitificar o conceito de que inovação, tecnologia, boa gestão e sustentabilidade, fazem parte de centros de pesquisas, grandes empresas ou universidades. 

Através de parcerias e integração institucional, as Fazendas Inteligentes serão equipadas com o que há de mais moderno, aplicável e sustentável em inovação tecnológica, sejam elas digitais ou extremamente simples.

Na Fazenda Inteligente, sensores medem a produção do leite, o ganho de peso dos animais, rastreiam o comportamento e a localização do rebanho, analisam os procedimentos alimentares, facilitam a detecção de cios. Nos cultivos, a agricultura de precisão faz a gestão de um campo produtivo metro a metro; otimiza as operações, economizando dinheiro e recursos e maximizando os rendimentos.

A Fazenda Inteligente irá socializar os progressos em inovação alcançados no decorrer dos últimos anos, testar, aplicar e divulgar tecnologias geradas nos centros de pesquisa e na iniciativa privada, alinhar e discutir conceitos e metodologias que estão sendo desenvolvidos, capacitar produtores, técnicos e trabalhadores, além de possibilitar a criação de vínculos institucionais públicos e privados do agronegócio baiano.

A Fazenda Sauipe foi selecionada por apresentar os pré-requisitos definidos pela metodologia do projeto, como fundamentais, importantes e imprescindíveis os seguintes itens: proximidade de grandes centros urbanos e mercado consumidor; fácil acesso; localização em uma região de grande potencial agropecuário e pouca atuação institucional; condições edafo-climáticas ótimas, principalmente em relação à alta disponibilidade de água de boa qualidade;  empresário com grande comprometimento e espírito de servir; e,  propriedade conduzida de forma sustentável.

A comitiva conheceu a área de produção de coco e pastagens, as instalações e equipamentos, os mananciais hídricos e a extensão e beleza da mata atlântica que predomina na fazenda.

“Esse é um projeto inovador, arrojado, desafiante e que proporcionará grande visibilidade e conhecimento, não só para o público do Agro, mas também para a população urbana da região e do estado. A Fazenda Sauipe é um achado, foi “pinçada” de forma assertiva pela equipe técnica do Sistema FAEB, apresenta condições excelentes para o desenvolvimento do Projeto. O Sebrae com certeza fará parte desse importante desafio” afirmou Franklin Santos, diretor Técnico do Sebrae Bahia.

Para o proprietário da Fazenda Sauipe, Paulo Avena, “o que mais empolga e motiva, além das questões produtivas, tecnológicas, de gestão, de aprendizado que o projeto proporciona, é o grande legado que deixará para toda região e para as futuras gerações, tanto do campo como das cidades”.        

“Juntar inovação, tecnologia, gestão, conhecimento, sustentabilidade, atuar na produção primária, no beneficiamento dos produtos, no agroturismo, na venda de inteligência, organizar os produtores, integrar as entidades e a iniciativa privada. Esses devem ser os parâmetros da Fazenda Inteligente”, concluiu Luiz Sande.

Fonte: Sistema Faeb/Senar e Sebrae Bahia